Compartilhe esse Artigo

Compartilhe com DeliciousCompartilhe com DiggCompartilhe com FacebookCompartilhe com Google PlusCompartilhe com StumbleuponCompartilhe com TechnoratiCompartilhe com TwitterCompartilhe com LinkedIn

 

Conforme dados divulgados pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), o Brasil é uma região que recebe em média 50 milhões de raios por ano. Para evitar possíveis problemas, prédios, indústrias e locais com energia elétrica devem receber a proteção correta contra descargas atmosféricas.

Nos estabelecimentos citados é obrigatório o laudo de inspeção do sistema de proteção contra descargas atmosféricas – mais conhecido como laudo SPDA.  Trata-se de documento técnico, com registro das inspeções, verificações e medições realizadas no sistema de proteção contra descargas atmosféricas (SPDA) e também do sistema de aterramento elétrico. Seu objetivo é verificar a conformidade com a norma técnica ABNT NBR 5419:2015 – Proteção de estruturas contra descargas atmosféricas e a Norma Regulamentadora do Ministério do Trabalho e Emprego – NR10.

O Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea) e os Conselhos Regionais (CREA) estabeleceram na resolução Nº 218, DE 29 JUN 1973 do Confea  - que somente profissional Engenheiro legalmente habilitado pode emitir laudos e parecer técnico. As inspeções e ensaios para emissão deste laudo devem ser executados segundo os objetivos, métodos e periodicidade prescritos na norma. A norma conta com quatro partes, sendo elas:

Parte 1 – Princípios gerais;

Parte 2 – Gerenciamento de risco;

Parte 3 – Danos físicos a estruturas e perigos à vida;

Parte 4 – Sistemas elétricos e eletrônicos internos na estrutura.

O Comitê Brasileiro de Eletricidade (ABNT/CB-003) é responsável pela norma e tem como escopo a normalização no campo da eletricidade compreendendo geração/transmissão e distribuição de energia; equipamentos industriais em atmosferas explosivas; eletrônica; dispositivos e acessórios elétricos; instrumentação; bens de consumo; condutores elétricos; instalações elétricas; iluminação; compatibilidade eletromagnética e telecomunicações no que concerne a terminologia, requisitos, métodos de ensaio e generalidades.

Além da norma, a ABNT também possui cursos de capacitação que auxiliam em sua aplicação, são eles: Proteção contra descargas atmosféricas segundo a ABNT NBR 5419:2015 e Medições elétricas em sistemas de aterramento e em sistemas de proteção contra descargas atmosféricas - SPDA


Comunicação Apaest/Informação da Assessoria de Imprensa da ABNT

 

Boletim

Coleção Monticuco

banner joomla 30 made easy2

Marco Regulatório

Nossa Missão

A APAEST atua na defesa de seus associados, fortalecendo a engenharia de segurança do trabalho, promovendo o desenvolvimento sustentável na comunidade, incluindo a melhoria das condições de trabalho e a preservação do meio ambiente e da integridade física dos trabalhadores.

Nossa Visão - Promover ambientes de trabalho seguros, utilizando técnicas de engenharia de segurança nos projetos de engenharia.